A segurança é uma preocupação constante no dia a dia das pessoas. Por isso, é cada vez mais importante buscar medidas para proporcionar proteção aos moradores e combater a criminalidade. Uma das formas de fazer isso é investindo na segurança preventiva do bairro.

Você sabe o que é isso? Entender esse conceito e a sua importância é fundamental para implementar as medidas corretas para trazer mais tranquilidade e bem-estar aos residentes de determinada região. 

Pensando em esclarecer o assunto para você, preparamos este post para explicar como funciona a segurança preventiva e dar algumas dicas de como esse conceito pode ser aplicado no seu bairro. Confira!

O que é segurança preventiva?

Diferente das medidas de reação e registro comprobatório, que dizem respeito aos momentos durante e após o fato, a segurança preventiva tem como objetivo principal a prevenção de crimes. Para implantá-la são necessárias estratégias para inibir a ação de bandidos ou que permitam uma intervenção antes que ela se concretize.

É muito comum pensar em medidas que devem ser tomadas em situações de emergência — como ligar para a polícia, por exemplo. Porém, a melhor forma de combater a criminalidade é buscando formas de inibir essas atuações e de reduzir as situações de risco.

Qual é a sua importância para bairros e condomínios?

Quando se fala em segurança, o mais comum é que as pessoas procurem formas de aumentar a segurança da sua residência, contratando empresas e instalando equipamentos de segurança.

Contudo, investir na segurança do bairro ou condomínio também é fundamental. A manutenção de uma boa infraestrutura no bairro — assim como o trabalho conjunto para identificar e inibir ações suspeitas — ajuda a reduzir a incidência de crimes nas ruas e nas residências.

Duas boas estratégias são a instalação de equipamentos de segurança e redes de comunicação e a contratação de serviços para auxiliar na proteção dos moradores — como rondas e comunicações de entrada e saída.

Vale lembrar, ainda, que essas medidas também ajudam a combater o vandalismo e a criação — ou a manutenção — de pontos de vendas de drogas, que podem se tornar extremamente prejudiciais para a vizinhança.

Como implantar a segurança preventiva?

Sabendo a importância da segurança preventiva no bairro, é preciso saber como implantá-la. Separamos algumas medidas que podem ser tomadas pelos moradores para auxiliar nessa tarefa, veja só:

Fique atento à infraestrutura do bairro

Esse é um ponto muito importante para a segurança — em especial as luzes. Verifique se a iluminação pública está funcionando corretamente nas ruas e nas praças. Caso tenha algum problema, solicite intervenção da prefeitura ou da empresa responsável.

Lugares escuros facilitam a ação de bandidos, tendo em vista que as pessoas não terão uma boa visibilidade para identificar as suas ações. Outro ponto importante é investir nas luzes externa das casas, que também refletirão nas ruas e auxiliarão em caso de problemas com a iluminação pública.

Tenha uma associação de moradores

A criação de uma associação de moradores possibilita a aproximação dos vizinhos para criar uma rede de colaboração e implantar melhorias de segurança. O grupo deve ter regras, instituir um presidente e organizar-se da melhor forma para fazer reuniões e identificar os pontos que precisam ser trabalhados.

Com todos engajados em aumentar a segurança do bairro fica mais fácil definir e implantar as medidas necessárias. A associação não precisa atuar somente nas medidas de segurança.

Também é possível planejar outras ações de melhoria na infraestrutura, indicar para a prefeitura as obras prioritárias para a região, cobrar a ação do poder público e implementar outras políticas para aumentar a qualidade de vida dos moradores.

Além disso, uma ótima prática é trocar telefones e outras formas de contato para ter uma comunicação rápida com os vizinhos diante de situações suspeitas, de viagens ou para solicitar ajuda, se for preciso.

Instale de equipamentos de segurança

Essa é uma dica que deve ser utilizada tanto nas áreas públicas quanto nas residências: instale equipamentos de segurança como alarmes, cercas elétricas e câmeras de monitoramento. É importante que os moradores conversem para encontrar as melhores alternativas.

Nas residências esses sistemas inibem as ações criminosas, tendo em vista que os bandidos terão ciência da proteção e da probabilidade de serem pegos em flagrante ou identificados posteriormente.

As câmeras de segurança, especificamente, oferecem mais vantagens: a possibilidade de instalação em pontos estratégicos do bairro e o monitoramento em tempo real.

É possível encontrar equipamentos que se conectam com computadores, smartphones e tablets, transmitindo ao vivo as imagens capturadas e permitindo que os responsáveis acessem as imagens sempre que necessário para identificar situações suspeitas.

Contrate uma empresa de vigilância

Outra medida importante é contratar uma empresa especializada em segurança para o bairro, que tenha uma boa reputação e experiência na área. Assim, ela poderá analisar a localidade e indicar os pontos de maior vulnerabilidade que precisam ser trabalhados.

A vigilância do bairro é uma função que exige muita responsabilidade. Por isso, a qualificação dos profissionais envolvidos é muito importante. Eles devem ter cursos e treinamentos para lidar com situações de emergência e garantir a segurança dos moradores.

Embora seja possível contratar vigilantes por conta própria, a terceirização desse serviço traz mais tranquilidade para a associação de moradores — dessa maneira, não será necessário lidar com questões trabalhistas e você terá a certeza de que os profissionais envolvidos são capacitados para a função.

Utilize aplicativos para auxiliar na organização e implantação dessas medidas

Com os avanços tecnológicos, atualmente existem aplicativos e plataformas desenvolvidos para auxiliar na implantação das medidas de segurança comunitária — como informar situações suspeitas e solicitar atendimentos. Já é possível contar até com um botão de pânico, para o caso de alguma emergência.

Uma ótima opção é a plataforma Bairro Seguro, uma das soluções mais modernas para a segurança em bairros. Ela viabiliza a instalação de unidades de ronda e atendimento aos bairros, dando assistência para os moradores no momento de sair e entrar em casa, além de outras vantagens.

Essa iniciativa é uma medida de segurança preventiva bastante eficaz, reduzindo em mais de 80% os assaltos a moradores de bairros residenciais, conforme constatado na cidade de Curitiba, onde o Bairro Seguro iniciou a sua atuação.

Quer saber mais sobre as soluções de segurança disponíveis no mercado? Baixe gratuitamente nosso Guia Comparativo. Pronto! Agora você já sabe a importância da segurança preventiva e como implementá-la. Ficou interessado em saber mais como funcionam as plataformas de segurança para bairros? Então entre em contato conosco e saiba mais sobre os nossos serviços!