Localizado em uma das áreas mais nobres da cidade de São Paulo, o bairro Morumbi tem uma das rendas per capita mais altas da região. Suas ruas arborizadas levam tanto a casarões imponentes quanto a condomínios modernos e conquistam moradores e visitantes com bons restaurantes e diversas opções de comércio.

Ficou interessado? Conheça mais sobre essa região paulista conferindo as 4 curiosidades que trouxemos para você nesse post!

1. As teorias sobre o significado do nome

Para os pesquisadores, a palavra Morumbi é de origem tupi-guarani. No entanto, não existe um consenso quanto ao significado que ela teria. Para alguns, seria “colina ou morro verde”, para outros, “rio de peixes grandes”. O fato é que essa denominação foi dada pelo inglês John Rudge em 1815, quando construiu a Fazenda Morumby.

A região, predominantemente rural e afastada do centro da cidade, se tornou residencial em 1948, quando foi comprada e loteada pelo engenheiro Oscar Americano. Atualmente, os paulistanos chamam de “Morumbi” uma região que abrange 11 bairros. 

2. O primeiro prédio residencial

Lina Bo Bardi, arquiteta ítalo-brasileira mundialmente reconhecida, foi a responsável pelo projeto da casa que se tornou uma das primeiras residências do bairro e um ícone da arquitetura moderna: a Casa de Vidro. Com uma imponente fachada de vidro, a construção parece flutuar cercada por um jardim de sete mil metros quadrados.

Tombada como patrimônio histórico da cidade de São Paulo, agora ela abriga o Instituto Lina Bo e P. M. Bardi. 

3. A história do Palácio dos Bandeirantes

O prédio que hoje é conhecido como Palácio dos Bandeirantes foi projetado para ser uma universidade. Sua construção se iniciou em 1955, no entanto, o projeto foi abandonado por falta de recursos financeiros. Após uma longa negociação, a obra foi retomada em 1964 e transformada na residência oficial e sede do governo do Estado de São Paulo.

Seu nome foi dado em homenagem aos “Bandeirantes”, responsáveis pela expansão das fronteiras brasileiras e, hoje em dia, tem um acervo com obras de artistas como Djanira Motta e Portinari. 

4. As atrações do bairro Morumbi

Ainda que seja uma região originalmente residencial, o bairro oferece diversas opções de lazer. Entre elas, estão:

  • Estádio do Morumbi — sede do São Paulo Futebol Clube, é visita obrigatória para qualquer um que goste de esportes; 
  • Fundação Maria Luisa e Oscar Americano — antiga propriedade do casal que dá nome ao lugar, conta com museu, salão de chá e um amplo jardim para passeios;  
  • Parque Alfredo Volpi — espaço com mais de 140.000 metros quadrados, com áreas para trilhas e caminhadas; 
  • Parque Burle Marx — projetado pelo próprio paisagista, tem trilhas e uma área para piqueniques; 
  • Ponte Estaiada — inaugurada em 2008, tem 138 metros de altura e já se tornou um dos cartões-postais da cidade; 
  • Praça Vinícius de Moraes — em frente ao Palácio Bandeirantes, tem ampla área para lazer e prática de atividades físicas. 

Mesmo após tantos anos de sua criação, o bairro Morumbi continua sendo considerado um refúgio para a classe alta paulistana. Com um dos índices de desenvolvimento mais elevados da capital, ele é também uma das áreas mais arborizadas da cidade, com várias praças e parques à disposição de seus moradores. Sem dúvida, vale a pena conhecer!

Então, gostou do post? Agora que você sabe mais sobre a história e as curiosidades do Morumbi, conheça também o bairro Boa Vista em Porto Alegre!