Os moradores das grandes cidades têm convivido cada vez mais com a sensação de insegurança. Não somente para circular pelos centros urbanos, mas também chegando e saindo de nossas próprias casas, o pressentimento de que algo ruim pode acontecer é constante.

Pensando nisso, separamos valiosas dicas de segurança para você que se preocupa com o bem-estar e a proteção de seu lar. Então, acompanhe nossa lista de tópicos essenciais para tornar seu cotidiano mais tranquilo e livre de receios.

Você verá que, mesmo com os altos índices de criminalidade, quando tomamos algumas precauções, a rotina da casa se torna definitivamente mais segura. Vamos lá?

Faça sua parte

A gente sempre se sente responsável pela segurança de todos os membros da família, não é verdade? Filhos, marido, convidados e empregados… Às vezes, nossa preocupação atinge níveis estressantes, como na hora de colocar o carro na garagem à noite, por exemplo.

As mulheres também sofrem por temerem não apenas o assalto, mas que algo seja intentado contra seu corpo e sua vida. Por isso, qualquer dica para elas é bem-vinda, concorda? Mas o que podemos fazer para garantir mais segurança na chegada e na saída de todos que circulam pela casa em seu agitado cotidiano?

Algumas atitudes podem ser tomadas para minimizar as chances de algo ruim acontecer aos entes queridos. Procure estar sempre por dentro das orientações da associação de moradores e manter um relacionamento cordial com a vizinhança.

Lembre-se de que um vizinho empático vigia tanto a casa dele quanto a rua onde mora. Pode ter certeza de que ele tem os mesmos receios que você. O temor de ser abordado por pessoas más intencionadas é generalizado, infelizmente.

E é por isso que as dicas de segurança são tão importantes. Leve essas informações também para a rede de vizinhos protegidos.

Atente aos movimentos suspeitos

Não hesite em chamar a polícia no caso de suspeitos rondando o bairro. A abordagem policial é atividade rotineira e contribui diretamente para a diminuição da criminalidade.

Caso algum assalto, roubo ou furto já tenha acontecido, não deixe de registrar o Boletim de Ocorrências. As escalas e rotas de patrulhamento das viaturas são montadas com base nessas estatísticas.

Caso esteja chegando em casa e perceba alguma pessoa estranha, que não seja familiar, dê uma voltinha no quarteirão para melhor observar a situação. Pode ser apenas uma visita de algum vizinho ou um entregador, mas é bom prevenir-se para não ser pego de surpresa.

A tecnologia é nossa aliada. Alguns recursos eletrônicos podem ser instalados na casa para uma melhor proteção. Você consegue observar melhor o tráfego de pessoas e veículos na rua com um circuito de câmeras, por exemplo.

No próximo tópico dessa lista de dicas de segurança, vamos falar mais sobre equipamentos que ajudam a inibir a ação daqueles indivíduos mal intencionados.

Invista em segurança eletrônica

Hoje, temos uma boa variedade de equipamentos eletrônicos de segurança disponíveis no mercado. Além das câmeras, você pode instalar um sistema de alarme e, também, cerca elétrica. Tudo isso dificulta a ação de ladrões e vândalos, inibindo presenças indesejáveis.

Instalar um portão com acionamento remoto também é de grande ajuda. Você não precisa descer do carro para abrir e tornar as chegadas ou partidas mais ágeis, não é mesmo? Cada membro da família pode ter seu controle e alguns motores do portão devem ser temporizados, para o caso de alguém esquecer-se de fechá-lo após entrar.

Cuide da iluminação

Quando há falha na iluminação pública, é nosso dever avisar à empresa responsável, para que seja feito o reparo. Deixe as autoridades cientes sobre motos e carros suspeitos parados em lugares estrategicamente escuros, como na sombra de árvores à noite e em ruas desertas.

Também é importante que a poda das árvores da rua esteja sempre em dia, de forma a não prejudicar a luz dos postes. Solicite a manutenção com antecedência, pois, geralmente, é necessário aguardar algum tempo antes da conclusão do serviço.

Lâmpadas com acionamento por infravermelho (ou seja: que acendem quando detectam qualquer movimento) são muito úteis. Além de deixarem sua porta sempre iluminada, elas contribuem para a iluminação do ambiente da vizinhança.

Considere contratar um serviço de ronda

Mais do que a proteção dos bens patrimoniais, é importante proteger as pessoas. Infelizmente, com o avanço da tecnologia os criminosos migraram dos furtos, que são os crimes sem a presença da vítima, para o roubo, que é a abordagem quando a vítima esta presente. Isto porque, com a pessoa presente, o criminoso consegue solicitar facilmente as chaves de um carro, pedir que um portão seja aberto ou até mesmo exigir que a pessoa acompanhe para verificar se o carro tem corta-corrente, por exemplo. Ou seja, protegemos os bens, mas ficamos mais expostos!

Assim, o serviço de ronda no bairro, bem como a função de atendimento a chamados de chegada e saída segura, reduz drasticamente a abordagem ao morador nestes momentos críticos de entrada e saída. Mais do que isto, as rondas demonstram aos criminosos que o local está sendo vigiado. Desta forma, o bairro todo fica mais seguro.

Essa é uma boa dica de segurança a ser levada para a rede de vizinhos protegidos ou associação de moradores. É possível encontrar empresas sérias, com profissionais éticos e bem treinados.

Use aplicativos

A tecnologia deve, novamente, ser usada a nosso favor. Aplicativos que facilitam nossas vidas e trazem mais segurança aos nossos lares podem ser adquiridos a preços modestos. Trata-se de um adicional prático, com eficácia comprovada e alto índice de aprovação pelos clientes.

Quanto mais moradores estiverem engajados nessa batalha diária, melhor será. Além de ter mais unidades de atendimentos disponíveis, os preços também melhoram com as novas adesões.

Se você precisar de ajuda, é só acionar o atendimento via celular que será rapidamente atendido. Adicione seus dependentes e proteja toda a sua família — afinal, eles merecem, certo?

Por isso, é muito importante pesquisar sempre por dicas de segurança e fazer tudo aquilo que estiver ao seu alcance para manter em segurança aqueles que você ama.

Então você já sabe o que fazer para tornar ainda mais tranquilo o cotidiano de sua família, não é? Leve essas sugestões para seus vizinhos e não se esqueça de usar a tecnologia como sua aliada. Explore os recursos eletrônicos, seja cordial e mantenha a comunicação sempre em dia!

Se você gostou de nosso artigo e gostaria de obter mais informações sobre o assunto, não pode deixar de ler esse outro conteúdo sobre segurança preventiva para seu condomínio. Até a próxima!