Quem deseja mudar de casa ou planeja adquirir um imóvel precisa avaliar as vantagens e desvantagens relacionadas a essa importante decisão. Como cada tipo de habitação pode oferecer diferentes benefícios para cada pessoa ou família, listamos alguns prós e contras para se pensar na hora de morar em condomínio ou bairro aberto. Confira!

Localização

A localização do seu futuro lar, assim como a arquitetura da casa ou apartamento, irá moldar a sua rotina e a sua relação com o entorno. Na hora de decidir morar em condomínio ou bairro aberto, é importante considerar quais são as necessidades de serviços para você e sua família, como padarias, mercados e farmácias, e também levar em conta as questões de deslocamento para o trabalho ou escola.

O setor imobiliário oferece cada vez mais opções personalizadas para as diferentes formas de viver e as necessidades de conforto de cada pessoa, criando espaços com vários serviços inclusos e outras comodidades. Independente da região em que os imóveis ofertados estão localizados, sempre vai existir uma boa alternativa para quem quer morar em condomínio ou bairro aberto.

Condomínio X associação de moradores

Alguns fatores importantes para quem está decidindo morar em condomínio ou bairro aberto são a segurança, a convivência com os vizinhos e o bem-estar coletivo. 

Para quem opta por morar em prédio ou condomínio fechado, há a necessidade de recolhimento de taxa mensal, contando com uma gestão e a figura do síndico. Em outros casos, existe a contratação de um serviço terceirizado para esta administração. No caso de bairro aberto, os moradores podem se organizar em uma associação de bairro e, nesse cenário, a adesão e o consequente pagamento de eventuais taxas são facultativos. 

Tanto o condomínio quanto a associação de bairro devem seguir a legislação vigente e as regras acordadas em assembleia ou reunião de moradores para o seu bom funcionamento. 

Taxas fixas X gastos extras

Alguns valores que podem pesar no bolso de quem opta por morar em condomínio ou bairro aberto são aqueles destinados a manutenção e serviços.

Quem escolhe morar em conjunto de casas, sobrados ou apartamentos, ao pagar a taxa mensal de condomínio, divide os gastos e garante a manutenção dos espaços, conservando a qualidade de serviços como academia e piscina, além da limpeza e jardinagem das áreas compartilhadas. 

Se a opção é viver em bairro residencial, o proprietário deve se atentar para as manutenções e benfeitorias necessárias durante todo o ano, bem como a criação de uma reserva financeira para reparos inesperados, evitando que gastos não planejados comprometam seu orçamento.

Barulho e privacidade

Quem opta por morar em prédios ou condomínios fechados, deve seguir um regimento interno, respeitando os horários de circulação e reformas, além das regras referentes aos pets. Por outro lado, quem mora em bairro aberto tem maior liberdade para realizar suas atividades.

Vale sempre lembrar que morar em condomínio ou bairro aberto é viver e conviver com outras pessoas, por isso devemos sempre promover a boa convivência com os vizinhos e usar o bom senso.

Segurança

Uma das maiores preocupações de quem está decidindo se é melhor morar em condomínio ou bairro aberto é a segurança. Os prédios e condomínios horizontais podem contar com monitoramento de câmeras, segurança privada, cerca elétrica e portaria para controlar quem acessa o espaço. 

Enquanto isso, quem opta por morar em bairro aberto, deve considerar a instalação de alarme, câmeras de segurança e cerca elétrica em sua residência, para diminuir os riscos de invasões e roubos. Para sua maior segurança, também pode buscar iniciativas como a associação de bairro, o “vizinho solitário” ou implementar um projeto de segurança na região.  

Vale lembrar que, independentemente da escolha, todos os formatos de residências podem contar com o suporte de empresas de segurança e a praticidade dos aplicativos de monitoramento.

morar em condomínio ou bairro aberto

Morar em condomínio ou bairro aberto: quais são os prós e contras para você?

Como vimos, conforme o perfil ou momento de vida de cada pessoa, existe uma moradia ideal para quem ainda está decidindo se prefere morar em condomínio ou bairro aberto.

É sempre bom listar quais são as vantagens e desvantagens de cada modelo de moradia para confirmar qual vai atender melhor os seus desejos e necessidades. 

E se você que saber mais sobre morar em condomínio ou bairro aberto, confira mais conteúdos e dicas aqui no blog. Para outras informações sobre o Bairro Seguro, acesse nosso site agora mesmo!