Você já se perguntou quais são os países mais seguros do mundo? Infelizmente, a segurança pública no Brasil está em crise e a população sente os impactos disso no seu dia a dia. Em 2017, pesquisas apontam que aconteceram quase 60 mil homicídios no país: um aumento de 2,7% em relação a 2016.

Com esse cenário, as pessoas começam a se perguntar sobre a situação de outros países. Para saber a resposta, o Global Peace Index (GPI) — Índice Mundial da Paz — faz uma avaliação anual das nações, divulgando a lista com a classificação de todos em relação à segurança.

Quer saber o resultado? Então acompanhe este post e descubra agora os 5 países que foram considerados mais seguros!

1. Islândia

A Islândia lidera a lista de países mais seguros do mundo desde 2008. Ela é conhecida pela baixa taxa crimes: os homicídios não excedem a média de 1,8 a cada 100 mil habitantes. Para você entender o impacto dessa estimativa, no Brasil a média é de 28,5 para os mesmos 100 mil moradores.

Com um GPI de 1.111, o país europeu se destaca por buscar políticas para garantir a igualdade social, um dos principais fatores para que ele seja tão seguro. Lá, é comum deixar as crianças brincarem sozinhas na rua, e caronas com estranhos não são um perigo.

2. Nova Zelândia

Localizada na Oceania, a Nova Zelândia é um exemplo de economia e política estáveis, focada no respeito aos direitos humanos. Assim como na Islândia, a segurança pública é admirável e dificilmente acontecem assaltos contra civis: quando ocorre, o alvo costuma ser a algum estabelecimento comercial.

Além de ser um exemplo em segurança, com GPI de 1.241, o país se destaca pelas suas belas paisagens e é um dos locais mais prósperos e com menos casos de corrupção do mundo.

3. Portugal

Na terceira posição, Portugal se destaca principalmente pela sua evolução: desde 2008 o país subiu 11 posições no ranking de segurança, e o seu GPI atual é de 1.258. A recuperação da crise financeira trouxe mais estabilidade interna, reduzindo também a violência.

No país, as ocorrências mais comuns são os furtos de oportunidade e, infelizmente, a violência doméstica. Porém, o sistema judiciário é bastante eficiente e os habitantes têm uma cultura de respeito pela força policial, auxiliando na manutenção da segurança.

4. Áustria

A Áustria tem um GPI de 1.265 e é um dos países com melhor qualidade de vida da Europa, com pouco mais de 8 milhões de habitantes. Considerado o quarto país mais seguro do mundo, ele tem uma renda per capta elevada, com uma boa distribuição entre a população.

Esses índices baixos de desigualdade, somados à qualidade de vida da população, são responsáveis pela ótima colocação no ranking dos países mais seguros do mundo.

5. Dinamarca

Em quinto lugar, com 1.337 GPI, a Dinamarca é também referência em segurança. O país nórdico é famoso pelo ciclismo, com ruas planas e ciclovias por toda a cidade, onde a população é adepta dos meios de transporte alternativos.

A Dinamarca também se destaca por ter um índice baixo de desigualdade financeira e um alto potencial de geração de renda, além de sua estabilidade econômica e baixos índices de corrupção, fatores que impactam a segurança do país.

Ao contrário desses países, o Brasil ficou na 108ª colocação e perdeu 3 posições no ranking, se comparado à última pesquisa, ficando com o GPI de 2.199. Por isso, é fundamental buscar soluções para a aumentar a segurança na sua casa e no seu bairro, garantindo mais tranquilidade para você e sua família. 

Gostou de conhecer os países mais seguros do mundo? Então aproveite também para entender a importância da segurança preventiva e saiba como fazer isso!